terça-feira, fevereiro 17, 2009

Brasileirismos?

"O maior prazer de um homem inteligente é armar-se em idiota diante de um idiota que se arma em inteligente".

Eh pá, não sei quem é o autor desta frase mas está perfeita e pelo que ando a ler pela blogosfera... tanto idiota armado em inteligente! Em blogs muito perto de si...


Fala-se imenso em erros ortográficos. Posso até entender a crítica aos erros recorrentes e intoleráveis de indivíduos que têm como profissão o ensino e o jornalismo. Agora aquele pessoal que por ver um mísero erro ortográfico fica logo com os pentelhos em pé, pergunto: “Oi sou humana e tu?”.


Bem no que diz respeito ao tema do título, vejamos:

De vez em quando lá vamos ouvindo: “Oi tudo legal?”.
“Oi tudo legal?”… em Portugal é susceptível de ser muito mal interpretado, tipo numa feira qualquer do país, no mercado de Carcavelos por exemplo arrisca-se a levar porrada pois ainda julgam que é da ASAE.

Outra expressão similar que pode levar à vias de facto é “Oi tudo joia?”.
“Oi tudo jóia?” pronunciado na candonga… não sei, não.
Além disso se for pronunciado junto daquelas senhoras ornamentadas de ouro e pedras preciosas arrisca-se a levar com a mala na cabeça e ser enxovalhado em público por tentativa de roubo ou porque simplesmente colocou em causa o bom-nome do seu tesouro.

Ouve-se também muitas vezes: “Vai-te catar!”.
Bem, meus amigos, não aconselho esse tipo de expressão junto de pessoas mais sensíveis ou numa discussão com um político.
Nunca mais sai dos calabouços por difamação! Então não é que o político foi comparado a um primata! Ainda se o tivesse agredido fisicamente… vá, isso até se desculpava facilmente, agora comparar o Sr. Engº Professor Doutor catedrático político a um macaco? Naaa, não se admite, olha que insolência! Tsss…

Uma expressão muito utilizada há um tempo, introduzida em Portugal por um furúnculo é “o bicho vai pegar”.
Qualquer pessoa que esteja desatenta ao ouvir isso no mínimo agarra-se a um poste porque julga que vai ser atacada por um bicho.

Outra expressão introduzida em Portugal por outro furúnculo foi “Show de bola!”.
Bom, para quem desconhece por completo a expressão o mais provável é ficar a pensar que há alguma bola (aka mulher gorda) a fazer um espectáculo de striptease.

Finalmente outra expressão que me ocorre é “a coisa tá preta”, face a conjuntura actual o mais certo é pensar referir-se ao Obama…


PS: Obrigada a todos os comentadores pela dose de bom humor e pelas gargalhadas que me proporcionaram com as respostas no post anterior! Deliciosos!!!

-

terça-feira, fevereiro 03, 2009

Perguntas V


Porque é que nos documentários sobre vítimas de ataques de tubarões, os biólogos marinhos insistem em dizer que é errado pensar nos tubarões como animais agressivos para com os humanos? Será que ao morder, os tubarões pretendem apenas e de forma inofensiva palitarem os dentes?
-