sexta-feira, maio 11, 2007

Perguntas II


Existe algum limite para o número de palavrões que podemos dizer enquanto os nossos serviços sensacionalistas noticiosos ficam orgulhosos ao mostrar os vários jornais ingleses e as cadeias televisivas estrangeiras que vieram a Portugal transmitir o desaparecimento da menina inglesa no Algarve?
É excessivo afirmar que a nossa boa vontade é sempre ultrapassada pela nossa cretinice?


Vamos ter que gramar imagens do sargento não-sei-das-quantas em todos os telejornais até ao fim dos nossos dias?

21 comentários:

Rafeiro Perfumado disse...

Não, a todas as questões que colocaste. Mas atenção, palavrões fofinhos, como catano, porra ou mesmo um fosca-se!

Anônimo disse...

Claro que não!! Só dá vontade de dizer FOUDASSSSE para os telejornais!! Metem nojo!

Abraço

Tiago disse...

realmente já não se aguenta! Não tenho limites de palavrões lol
Sou português mas as vezes tenho vergonha de o ser, somos uns tristes é o que é. Já nem ligo aos noticiários.
Beijos linda

Arthur disse...

bonjour

diz palavrões à vontade, por vezes são a única forma de realmente dizermos e caracterizarmos o que tem que ser dito

fo*****

Paulo disse...

Bom, nada sei sobre o desaparecimento da tal menina, mas penso que os palavrões podem ser usados sem limites. :D

Beijos

Nuno disse...

olá! e o Estado Português ainda vai pagar o alojamento dos Ingleses em Portugal! É pena este Estado não ter disponibilizado tantos meios como no caso do menino desaparecido em Lousada e como no caso do rapaz que aqui há uns anos desapareceu na serra da Arrábida, ao andar de bicicleta, e em tantos outros casos que se verificaram em Portugal! * bom fim de semana!

alges41 disse...

Hi,

Como Andy Warhol disse "everyone will have their 15 minutes of fame".
Aqui nos EUA quando acontece coisas dessas todos os canais de tv passam a mesma reportagens de meia em meia hora. E entrevistam, psicólogos, psiquiatras, ex-detectives sobre o caso e cada um tem a sua opinião sobre o que aconteceu e quando mais espectacular a opinião melhor.

Paulo

Arthur disse...

desta vez não tinha nada para comentar

apenas vontade de me meter contigo ;))

Maw disse...

Ainda vês televisão?

Pela tua saúde mental evita ver mais de 5 minutos por dia... ;)

Bigmac disse...

Carissima Silvia, é interessante verificar como a perspectiva de olhos exteriores como os teus avaliam essa real "cretinice" de um povo, uma cambada de cegos de olho no próprio umbigo pequenino e subserviente, tão vazio de informação, principalmente numa zona onde os joelhos são a principal arma hoteleira. Receber é uma coisa, manter uma identidade perdida desde séculos é outra. Um casal de anormais que deixam 3 crianças bebés sozinhas só merecia as maiores criticas perante o que permitiram que acontecesse. Retirando como é óbvio o drama da criança desaparecida. Este casal Ingles é completamente anormal e tem de ser tratado como tal. Como muitos que pensam que este país é uma passadeira de férias habitado por servos.

Post de coragem muito oportuno.

Silvia F. disse...

Rafeiro perfumado,
Ainda bem que não! Rafeiro bem educado que me saiste... és sempre assim????? Humm... humm... ;))
Beijos

Anónimo,
Ora nem mais!! ;))))

Tiago,
Os telejornais estão a estupidificar o povo sem olhar aos meios para atingir os fins. Triste de facto.
Beijos

Arthur,
Digo montes de palavrões, podia é estar-me a exceder! ;)
Mete-te comigo à vontade, depois acertamos contas Hehehehe

Paulo,
Obrigada pelo apoio, pensei que já estava a exagerar ao proferir tantos palavrões! ;))))
Adorei o teu email, respondo assim que possível pois estou ansiosa para te reler e reler :)
Beijos

Nuno,
É o pais que temos! As nossas crianças são menos importantes... Se fosse o contrário ainda gostaria de saber se os ingleses fariam o circo que fazemos por cá!

Algés41 ou Paulo,
Não é só nos Estados Unidos... aqui é exactamente a mesma coisa!
Já não há pachorra!

Maw,
Tens razão... quanto mais TV vejo mais apalermada fico ;)))

Bigmac,
Subscrevo totalmente.
É muito triste verificar que um país como Portugal, cuja história é riquíssima, tenha chegado ao ponto de se submeter constantemente à vontade dos supostos "aliados" que consideram Portugal 3º mundistas. Pior nós os "atrasadinhos" ainda aplaudimos e agradecemos! Francamente mete-me nojo... onde estão os herois do mar, o nobre povo, a nação valente imortal????

LoiS disse...

"É excessivo afirmar que a nossa boa vontade é sempre ultrapassada pela nossa cretinice?"

Estás muito racional e terrívelmente pragmática.

Os meus parabéns pela tua lucidez! Acabas de ganhar o prémio!

Bisous

Casemiro dos Plásticos disse...

era mandar tudo pó... isso!
bj e boa semana!

alges41 disse...

Hi Silvia,

Então estamos no mesmo. Quando a Anna Nicole Smith morreu, passou-se semanas em que não se ouvia outra coisa na tv. Foi uma seca.

Paulo

mitro disse...

AH AH AH
Minha amiguinha, a incompetência também atinge as televisões...
Mas olha pra eles todos contentes, a pensar que são grandes jornalistas!

caditonuno disse...

infelizmente é o nosso jornalismo. enquanto nao mudarmos eles é que nao vao mudar!!!

marco disse...

é verdade! fonixxx!!!

Silvia F. disse...

Lois,
As vezes dá-me esses ataques ;)))
O premio? Onde? Onde?
Beijos

Casemiro,
Já mandei mas na~adianta nada!! ;))
Beijos, boa semana também pa ti

Algés41,
Ouvi falar que nos EUA é pior porque aí as autoridades usam e abusam dos média de propósito para aterrorizar os criminosos. Foi o que aconteceu com o caso Ambar, que acabou por aparecer... morta! Sim Senhor, boa táctica!! ;s
Aqui ainda temos o segredo de justiça para proteger as vítimas (os bananas dos camones não entendem isso!) mas a comunicação social insiste em fazer disto um folclore nacional e internacional! Nojento!

Mitro,
Não consigo aceder a tua página, porquê??
Todos contentes a fazerem figura de palhaços enquanto os tabloides britânicos dizem do pior de Portugal. Humpfff....

Caditonuno,
Parece que temos que domesticar os jornalistas também!! Arghhh!

Marco,
Fónix é muito suave!! ;))

Rafeiro Perfumado disse...

Infelizmente sou... tenho um defeito genético qualquer que me impossibilita de verbalizar como por vezes a situação o exige. Mas de vez em quando passo-me e até palhaço chamo às pessoas! ;)

alges41 disse...

Hi Silvia,

Uma coisa que nós aqui no meu estado (Massachusetts) temos é o "Amber Alert". Quando uma criança é raptada, as autoridades metem os dados dela(altura, peso, nome, fotos) neste sistema e o sistema automáticamente informa os canais de tv e eles mostram esta informação de 15 em 15 minutos. Temos também aqueles quadros digitais pendurados nas autoestradas, que passam os dados dela.
Hà duas semanas atrás houve um destes alertas e a criança foi encontrada ao fim de 3 horas.

Paulo

Sandra disse...

:))

tss tssssssssss mocinha, q raio de perguntas mai pertinentes, e o pior é q num sei te responder :)) a bem da verdade té te respondia, masá moda do porto carago :)

tenho uma ideia pa deixarem de desiludir a malta feminina c estas cenas de sargentos e blá blás, podiam pôr os xuis todos em fila e filmarem nos :)))))))) eu prizemplo num ía injoar :))))))

xinhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuus pa tu da lua

nb - num me faças mais perguntas de cariz sexual e assim, pq nunca sei responder :))